• Redação

Afogados vence o Campinense, finda jejum de vitórias e sonha com vaga na fase final



Gol no fim, marcado por Arêz, dá fio de esperança para que a Coruja ainda sonhe com a classificação para o mata-mata. Resultado adverso pode render, restando apenas uma rodada para o término da 1ª fase, a saída do Campinense do G-4


RESUMÃO

Eram sete jogos sem vencer. Ficaram no passado. O Afogados venceu o Campinense na noite deste sábado, no Estádio Vianão, em Ingazeira, e voltou a sentir o prazeroso gosto da vitória. E, da forma como foi, precisa mesmo ser muito comemorado. A Coruja venceu a Raposa por 2 a 1, com gols marcados por Rogerinho e Arêz. O gol do time rubro-negro foi marcado por Matheus Régis. . Com o resultado, o Afogados segue na sétima colocação, mas agora com 13 pontos e apenas um ponto de distância para o G-4. O Campinense, por sua vez, pode perder a sua vaga entre os classificáveis. Na quarta colocação, a Raposa vai precisar cruzar os dedos e torcer por maus resultados do Globo FC e do Atlético-PB neste domingo.RESUMÃO

Eram sete jogos sem vencer. Ficaram no passado. O Afogados venceu o Campinense na noite deste sábado, no Estádio Vianão, em Ingazeira, e voltou a sentir o prazeroso gosto da vitória. E, da forma como foi, precisa mesmo ser muito comemorado. A Coruja venceu a Raposa por 2 a 1, com gols marcados por Rogerinho e Arêz. O gol do time rubro-negro foi marcado por Matheus Régis. . Com o resultado, o Afogados segue na sétima colocação, mas agora com 13 pontos e apenas um ponto de distância para o G-4. O Campinense, por sua vez, pode perder a sua vaga entre os classificáveis. Na quarta colocação, a Raposa vai precisar cruzar os dedos e torcer por maus resultados do Globo FC e do Atlético-PB neste domingo.


PRIMEIRO TEMPO

Afogados e Campinense começaram a primeira etapa com a bola no pé e certa objetividade. Não foram muitas as chances criadas, mas os dois times tiveram organização à procura do gol. Do lado da Coruja, o goleiro Everton teve atuação segura e evitou o gol do Campinense em pelo menos duas oportunidades. Já que a bola não entrou em prol da Raposa, Rogerinho ficou responsável por movimentar o placar. E foi com um golaço. Ele arriscou de fora da área, pelo lado esquerdo, e mandou a bola no ângulo do goleiro Waldson.

SEGUNDO TEMPO

A etapa final começou com o Campinense sufocando o Afogados. Com Matheus Régis em campo, o time ganhou mais intensidade e teve a jogada individual como trunfo na busca pelo empate. E foi assim que aconteceu. Matheus Régis recebeu a bola de costas, limpou a marcação e soltou um torpedo de fora da área, que morreu no ângulo do goleiro Danilo.


Nas inúmeras tentativas que os dois times tiveram ao longo do duelo, o Afogados usou da malandragem para matar a partida. E foi com emoção. Rodrigo aproveitou contra-ataque, disparou e serviu Arêz, que, na cara do gol, tocou por baixo de Waldson. Estava encerrado o jejum de vitórias da Coruja.


ESCALAÇÕES

Afogados: Everton (Danilo), Guilherme, Walter Guimarães, Heverton Luís e Rogerinho; Arêz, Arlan, Evair (Junior Juazeiro) e Candinho (Alan); James Dean (Grafite) e Rodrigo. . Campinense: Waldson, Alex Murici (Renato Cruz), Rômulo, Breno e Fabinho; Júnior Gaúcho (Matheus Régis), Bruno Menezes e Echeverría; Rafael Ibiapino (Téssio), Jobson (Aleff Diego) e Frontini.


CLASSIFICAÇÃO DE MOMENTO DO GRUPO 3

1º América-RN - 24 pontos 2º Salgueiro - 23 pontos 3º Floresta - 21 pontos 4º Campinense - 14 pontos (menos um gol de saldo) 5º Globo FC - 14 pontos (menos quatro gols de saldo) 6º Atlético-PB - 13 pontos (menos dois gols de saldo) 7º Afogados - 13 pontos (menos catorze gols de saldo) 8º Guarany de Sobral - 10 pontos (duas vitórias)



PRÓXIMOS COMPROMISSOS


27.11 | Amigão | Campinense x América-RN 27.11 | Domingão | Floresta x Afogados

0 visualização0 comentário