• Redação

Brasil terá a maior representação de árbitros no quadro FIFA em 2021, são 38 árbitros internacionais

Alemanha e México vêm logo na sequência com 33 árbitros cada. Uma das novidades deste ano, o quadro internacional do VAR traz a presença de seis árbitros brasileiros com vasta experiência tanto dentro como fora das quatro linhas


O Brasil será o país com maior representação no Quadro FIFA de árbitros de futebol em 2021. Os números comparativos foram apresentados nesta quarta-feira (24) pelo presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba. Ele fez o anúncio durante o Conselho Técnico da Série A, realizado de forma virtual nesta tarde, e que contou com a presença de representantes dos 20 clubes do Brasileirão Assaí 2021, do presidente da CBF, Rogério Caboclo, do Secretário-Geral, Walter Feldman, e da diretoria da entidade.

Em 2021, o Brasil contará com 38 árbitros atuando sob a insígnia da FIFA. São 16 centrais, entre homens e mulheres, e 16 assistentes, além de seis indicados para o inédito quadro do VAR (árbitro assistente de vídeo). Os nomes foram apontados pela Comissão de Arbitragem da CBF e posteriormente aprovados pela FIFA.


"É um orgulho da CBF relatar que alcançamos, no ano de 2021, o fato de sermos a Federação com o maior número de árbitros internacionais no quadro da FIFA. Com o empenho da CBF, conseguimos fazer com que a FIFA nomeasse mais árbitros. Somos também, ao lado da Espanha, a Federação com o maior número de árbitras no quadro internacional. Além disso, somos o único país do mundo com três árbitros pré-selecionados para a Copa do Mundo FIFA 2022. Isso é um orgulho para todos nós e para a CBF", disse Gaciba durante o Conselho Técnico da Série A.


Com 38 árbitros (sem repetir funções) no Quadro FIFA, o Brasil é seguido por Alemanha e México, cada um com 33 selecionados. Espanha, com 32, está na quarta posição, enquanto Argentina, Itália e Inglaterra empatam com 31.



O quadro internacional de 2021 traz oito profissionais brasileiros que terão a primeira oportunidade com a insígnia da FIFA, seja como árbitro, assistente ou VAR. São eles: Brigida Cirilo Ferreira (AL), Daiane Caroline Muniz dos Santos (MS), Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG), José Claudio Rocha Filho (SP), Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC), Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP), Rodrigo Nunes de Sá (RJ) e Wagner Reway (PB).


Confira a lista completa do quadro internacional FIFA de árbitros e assistentes brasileiros para 2021


Árbitros e árbitras

Anderson Daronco (RS) Bráulio da Silva Machado (SC) Bruno Arleu de Araújo (RJ) Charly Wendy Straud Deretti (SC) Daiane Caroline Muniz dos Santos (MS) Deborah Cecília Cruz Correia (PE) Edina Alves Batista (SP) Flavio Rodrigues de Souza (SP) Luiz Flavio de Oliveira (SP) Rafael Traci (SC) Raphael Claus (SP) Rejane Caetano da Silva (RJ) Rodolpho Toski Marques (PR) Thayslane de Melo Costa (SE) Wagner do Nascimento Magalhães (RJ) Wilton Pereira Sampaio (GO)

Assistentes

Alessandro Rocha Matos (BA) Bárbara Roberta da Costa Loiola (PA) Brigida Cirilo Ferreira (AL) Bruno Boschilia (PR) Bruno Raphael Pires (GO) Danilo Ricardo Simon Manis (SP) Fabricio Vilarinho da Silva (GO) Fabrini Bevilaqua Costa (SP) Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG) Guilherme Dias Camilo (MG) Kleber Lucio Gil (SC) Leila Naiara Moreira da Cruz (DF) Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) Neuza Ines Back (SP) Rafael da Silva Alves (RS) Rodrigo Henrique Correia (RJ)

Árbitros assistentes de vídeo (VAR)

Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG) José Claudio Rocha Filho (SP) Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC) Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP) Rodrigo Nunes de Sá (RJ) Wagner Reway (PB)

19 visualizações0 comentário