• Redação

Donos de bares e restaurantes reclamam do cancelamento de atividades no Carnaval


Com a aproximação do Carnaval e o cancelamento oficial das atividades em bares e restaurantes, por conta da pandemia, alguns empresários, donos de estabelecimentos, estão se queixando, segundo informação, questionando ser uma proibição seletiva.

Eles dizem que, no caso, os setores de turismo deveriam também ter cancelados os anúncios de pacotes de Carnaval. A redação recebeu mensagem de um desses empresários, Thiago Storti, da casa de shows e café, General Story, localizada na Av. General Osório, uma das mais movimentadas do Centro Histórico de João Pessoa, inclusive, com especial atendimento a turistas. Storti conta que até antes da pandemia movimentava a casa com frequência média de até 450 pessoas nos fins de semana, e que agora teve reduzido o público para média de 120 pessoas, seguindo protocolos.

Thiago Storti reclama um entendimento com setores responsáveis pelo turismo da Capital, “no sentido de também não anunciar pacotes para turistas no Carnaval, ou permitir o funcionamento, mesmo com restrições e protocolos”.

Ainda, Storti observou que, enquanto bares e restaurantes são proibidos, hotéis da beira mar tem concentrado aglomerações no expediente de atendimento interno e à borda de piscinas. É contrassenso com as orientações de saúde e risco para o consumidor. “Ou fecha para todos, ou abre” diz.

0 visualização0 comentário