• Redação

Fluminense freia Flamengo e vence clássico com gol no fim..

O Maracanã teve os trabalhos abertos para 2021 logo com um clássico entre Flamengo e Fluminense, nesta quarta-feira, válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo contou com dois tempos distintos, mas com uma virada que parecia improvável pelo primeiro tempo: o Tricolor perseverou, virou e venceu por 2 a 1, com direito a gol no apagar das luzes. Arrascaeta foi quem abriu o placar.

Agora, o Flamengo, estacionado com 49 pontos, já mira o embate com o Ceará, também no Maracanã, domingo. Já o Fluminense, que foi a 43 pontos, terá o Corinthians como próximo adversário, mas apenas no dia 13, fora.



Ataque x defesa

Com os principais jogadores de linha à disposição, o Flamengo assumiu as rédeas da partida desde o apito inicial. Tanto que, com um minuto, após cruzamento da esquerda, Gabigol desperdiçou uma oportunidade sem marcação, perto da marca da cal. Ele apontou o quique da bola no gramado (vergonhosamente em estado ruim) como culpado.

Fluminense vira sobre o Flamengo no fim e vence clássico Foto: Thiago Ribeiro / Estadão Conteúdo

Logo depois, Rodrigo Caio, depois de escanteio, acertou a meta em cabeceio, porém Marcos Felipe salvou. O goleiro ainda fez outras defesas menos difíceis antes do Flamengo abrir o placar, na casa dos 40 minutos. Só dava o Fla com a bola diante de um rival acuado, frágil defensivamente e sem inspiração.


Um placar mais fiel


Só não dá para dizer que foi um monólogo pois Yago Felipe, que recebeu uma "casquinha" do Fred, respondeu pelo Flu em meio à pressão inicial. Já perto do intervalo, Yuri ainda incomodou Hugo Souza em bola parada. O camisa 9, aliás, constantemente externava a sua insatisfação com a nulidade produtiva do Tricolor. E o placar tornou-se mais fiel ao panorama do jogo quando Everton Ribeiro construiu uma boa jogada pela direita e levantou na área. No rebote e contando com uma atrapalhada do rival, Arrascaeta apareceu para inaugurar o marcador.

Parou, mudou tudo

Se Fred estava com semblante de poucos amigos no primeiro, no segundo, tudo mudou. Até sorri apareceu. Isso porque, o Fluminense empatou com Luccas Claro, de cabeça (gol eve que ser confirmado pelo VAR). Depois, o Tricolor passou a ser mais insinuante e a levar mais perigo - o que parecia improvável na etapa inicial. Michel Araújo quase faz um gol de placa ao driblar meio Flamengo. A bola beijou a trave, em lance antes de trocas em profusão.

Ritmo de pelada


Com muitas alterações lá e cá, a reta final final do Fla-Flu teve a tônica de uma "pelada". Se a expectativa era por um jogo disputado em alto nível para começar o ano, esqueça... Erros técnicos excessivos, baixa intensidade e times espaçados e desguarnecidos, como se o componente tático fosse mero detalhe. Tudo se caminhava para o empate, até que...

Até que... Virada!

No apagar das luzes, já aos 47, Filipe Luís - que já havia falhado no primeiro gol tricolor - recuou uma bola com extrema infelicidade e serviu a Yago Felipe. Frio, o meio-campista não hesitou e só tocou na saída de Hugo. Foi a primeira vitória do Fluminense após a saída e Odair Hellmann.


FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1X2 FLUMINENSE - 28ª RODADA DO BRASILEIRO

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data e hora: 6 de janeiro de 2021, às 21h30

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

publicidade

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)

Árbitro de vídeo: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)

Gramado: Ruim

Cartões amarelos: Bruno Henrique (FLA) / Calegari, Yago Felipe, Paulo Henrique Ganso e Felippe Cardoso (FLU)

publicidade

Cartões vermelhos: -

GOLS: Arrascaeta, 39'/1ºT (1-0); Luccas Claro, 9'/2ºT (1-1) e Yago Felipe, 47'/2ºT (1-2).

FLAMENGO (Técnico: Rogério Ceni)

Hugo Souza; Isla, Rodrigo Caio, Natan (Diego, 24'/2ºT) e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Pepê, 46'/2ºT), Everton Ribeiro (Rodrigo Muniz, 42'/2ºT) e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol (Pedro, 24'/2ºT).

publicidadeAd

FLUMINENSE (Técnico: Ailton Ferraz*)

Marcos Felipe; Calegari, Matheus Ferraz, Luccas Claro e Danilo Barcelos; Yuri, Hudson (Caio Paulista, 38'/2ºT), Yago Felipe e Michel Araújo (Martinelli, 38'/2ºT); Wellington Silva (Lucca, 25'/2ºT e Fred (Felippe Cardoso, 20'/2ºT).

* Marcão testou positivo para Covid-19

publicidadeAd

1 visualização0 comentário
Receba nossas atualizações
  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube
  • iconfinder_social-11_1591847

© 2020 Fala Sério Pb