• Redação

Goleiro Bruno se apresenta ao Rio Branco(AC) e já treina no clube..


O anúncio da contratação do goleiro Bruno Fernandes pelo Rio Branco-AC foi o desfecho de uma negociação que durou três meses e só existiu porque o clube sofreu uma goleada por 6 a 2 na penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Acreano. A derrota fez o time perder a vaga da semifinal pelo critério de saldo de gols. Isso forçou o presidente Neto Alencar buscar um novo arqueiro no mercado. Foi quando Bruno surgiu no caminho do Rio Branco-AC. A negociação com o jogador de 35 anos, condenado a 20 anos e 9 meses pelo assassinato da ex-companheira e modelo Eliza Samudio, também envolve ensinamentos bíblicos, exigências de salários em dia, alertas do próprio jogador ao clube sobre eventual repercussão negativa e vídeos de treinamentos enviados pelo goleiro ao presidente por WhatsApp durante a quarentena.


O Goleiro Bruno se apresentou ao Rio Branco-AC em 30 de julho. A expectativa era de que o goleiro chegasse um dia depois, mas uma previsão de protesto no aeroporto da capital do Acre fez o clube adiantar a passagem. O goleiro desembarcou às 15h (horário de Brasília), sendo recebido pelo presidente Neto Alencar. Ambos almoçaram juntos em um restaurante, e Bruno seguiu para o hotel.

Ele trocou de roupa e vestiu a camisa de um clube profissional pela primeira vez desde a rápida passagem pelo Poços de Caldas-MG, em 2019, logo após permissão para cumprir a pena no semiaberto domiciliar. Bruno participou de todos os treinos ao longo dos últimos três dias no CT José de Melo. Antes da primeira atividade, o goleiro reuniu o grupo ao meio do campo e falou por alguns minutos e logo depois cumprimentou um por um. Ele também tirou um tempo para cobrar faltas e fez um gol no coletivo de sábado (1.º). Campeão brasileiro pelo Flamengo em 2009, chegou a ser tietado por torcedores do Rio Branco-AC após o treino, inclusive, por mulheres. A forma física de Bruno surpreendeu a diretoria e equipe técnica do Rio Branco-AC. O jogador, que fixou residência em Arraial do Cabo (RJ), seguia treinando na quarentena com um personal trainer e um preparador de goleiros. "Ele veio preparado, está fino e treinando muito. Estava como personal trainer em Arraial do Cabo esperando apenas uma oportunidade. Quando chegou aqui, veio mais preparado que outros", disse ao UOL Esporte, o presidente Neto Alencar. "O Bruno vem pagando pelo o que fez, tem filhos e esposa para sustentar, então não vejo nada de errado na atitude do clube em contratá-lo. Por isso insisti e não voltei atrás. Ninguém conseguiu me provar onde está o erro", acrescenta....



Abinoan Santiago Colaboração para o UOL, em Ponta Grossa (PR)

14 visualizações0 comentário
Receba nossas atualizações
  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube
  • iconfinder_social-11_1591847

© 2020 Fala Sério Pb