• Redação

Morre por complicações do Covid, o jornalista Otinaldo Lourenço

O jornalismo está de luto, Otinaldo foi pioneiro nas criações de programas de debates no Radio paraibano


Morreu na noite deste sábado (13) o advogado, procurador do Estado autárquico e jornalista Otinaldo Lourenço, aos 86 anos. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Memorial São Francisco desde o início de fevereiro, quando foi diagnosticado com Covid-19. Ele faleceu por complicações na saúde provocadas pela doença.


Otinaldo Lourenço é reconhecido na imprensa paraibana como uma das mais importantes referências no jornalismo paraibano. Curiosamente ele morreu num dia 13 de fevereiro, Dia do Rádio e também Dia do Procurador do Estado da Paraíba, funções que ele ocupou brilhantemente ao longo de sua trajetória.

Ele foi responsável por conduzir brilhantemente grandes projetos na mídia paraibana. Entre eles, na Rádio Arapuan, entre as décadas de 1950 e 1970, no comando de programas campeões de audiência no radiojornalismo, a exemplo do “Mesa de Redação”, “Jornal Sensacional”, “Antena Política”, “Dramas e Comédias da Cidade” e “Plantão Arapuan”, entre outros.


SINDICATO LAMENTA A MORTE DE OTINALDO


O Sindicado dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba emitiram notas de pesar pelo falecimento de Otinaldo Lourenço.


Leia na íntegra:


A Diretoria do Sindicato dos Jornalistas da Paraíba expressa seu profundo pesar pelo falecimento ocorrido na noite deste sábado, 13, do jornalista Otinaldo Lourenço, uma das lendas do radiojornalismo paraibano.

Otinaldo foi um mestre que conseguiu unir qualidade e popularidade. Responsável pela modernização da Rádio Arapuan, imprimiu na grade de programação da emissora um estilo que lembrava a BBC de Londres e ao mesmo tempo agradava o gosto mais popular.

Referência no jornalismo, intelectual respeitado e um apaixonado pelas ondas hertzianas, Otinaldo se despediu no Dia do Rádio, uma de suas grandes paixões e à qual deu inestimável contribuição.

Nossos sinceros sentimentos à família, amigos e admiradores de Otinaldo Lourenço. Um nome que na vida e na morte se confunde com a história do nosso rádio.


10 visualizações0 comentário