• Redação

Mortes por Covid abala o futebol paraibano

Duas personalidades importantes do futebol paraibano faleceram neste domingo (28), vitimas do Covid 19, o advogado e ex- candidato a presidente da Federação Paraibana de Futebol, Eduardo Araújo, 33 anos, e cronista esportivo João de Souza Sobrinho, o repórter olímpico.

Na profissão, Eduardo também atuava na área do marketing e atualmente era o diretor executivo do São Paulo Crystal.

Eduardo estava internado no hospital da Unimed desde o inicio do mês de Junho tratando da doença e se encontrava entubado, em uma luta constante pela vida

Por conta da causa da morte, o velório e o sepultamento devem ser realizados seguindo o protocolo médico. Eduardo deixa esposa e um filho. Nas redes sociais, a diretoria do Botafogo lamentou a morte do dirigente.


João de Souza Sobrinho, um dos mais conceituados radialistas esportivos deixa órfão a

Imprensa esportiva da Paraíba.

João de Souza era natural de Santa Rita, e atuou por muito tempo na Área de Esportes da Rádio Tabajara, o que fez dele um dos nomes mais expressivos da radiofonia paraibana. Foi, durante décadas, uma voz aclamada pelos amantes do futebol nos quatro cantos do Estado. João foi presidente da Associação dos Cronistas Esportivos da Paraíba por vários anos, e também atuou em coberturas de vários jogos importantes, e participous de quatro Copas do Mundo.

O radialista estava doente há cerca de 5 anos e se tratava de um AVC, e mal de parkison em sua residência, quando teve sua saúde agravada.

Ele foi levado ao Hospital Santa Isabel, mas não resistiu e veio a óbito neste domingo.

João deixa esposa e filhos.

29 visualizações0 comentário